Blog / 

Rodrigo Constantino
Rodrigo Constantino

Um blog de um liberal sem medo de polêmica ou da patrulha da esquerda “politicamente correta”.

Artigos

Até o PT quer distância de Lula e Dilma, enquanto PCdoB aceita, mas perde votos

blog

Que má fase de Lula e Dilma! Vejam vocês que ninguém quer seu apoio, pois já perceberam que basta Lula ou Dilma subirem no palanque ou gravarem vídeo pedindo votos para que o candidato caia nas pesquisas. Foi o que mostrou o blog de Fernando Rodrigues:

A presença da ex-presidente Dilma Rousseff na campanha eleitoral pode ter piorado o desempenho dos candidatos apoiados por ela nas pesquisas que projetam o 1º turno das eleições municipais.

Após a aparição de Dilma em eventos e programas partidários no rádio e na TV, candidatos que tiveram o apoio da petista perderam pontos nas pesquisas de intenções de voto.

As informações são do repórter do UOL Victor Fernandes.

Depoimentos de Dilma foram exibidos nos programas eleitorais de Raul Pont (PT), em Porto Alegre, e Jandira Feghali (PC do B), no Rio, e Alice Portugal (PC do B), em Salvador.

O depoimento a Raul Pont, em Porto Alegre, foi exibido a partir de 16 de setembro.Pesquisa Ibope feita de 20 a 22 de setembro na capital gaúcha registrou redução de 2 pontos percentuais na intenção de voto do petista em relação a levantamento de 10 de setembro. A vantagem do candidato do PMDB, Sebastião Melo, aumentou de 3 para 12 pontos percentuais. Eis as principais pesquisas em Porto Alegre.

Em 20 de setembro, Dilma participou do 1º ato público após sua cassação. Foi ao Rio de Janeiro, onde acompanhou Jandira Feghali em eventos de campanha. Teve sua presença em um comício na Cinelândia amplamente divulgada. No evento, em 21 de setembro, chegou a dizer que ”eleger Jandira no Rio é um ‘volta, Dilma”’.

Nos dias seguintes, imagens da ex-presidente nos locais passaram a ser exploradas nos programas eleitorais da candidata do PC do B.

O instituto Datafolha divulgou uma pesquisa nesta 3ª feira (27.set). O levantamento ouviu eleitores em 26 de setembro. Jandira Feghali ainda está tecnicamente empatada no 2º lugar, mas oscilou negativamente em 2 pontos percentuais em relação à pesquisa de 22 de setembro e viu a vantagem de Pedro Paulo (PMDB) ampliar de um empate para 4%. (Eis os levantamentos)

Enquanto isso… o depoimento que o ex-presidente Lula gravou em apoio ao prefeito Fernando Haddad foi rejeitado pelo petista, que já vinha tentando até esconder a estrela vermelha do PT de suas campanhas:

O vídeo gravado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o horário eleitoral do candidato do PT a prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, foi rejeitado em pesquisas qualitativas. Por causa do teste, a participação do líder petista na propaganda na televisão é incerta.

Lula gravou o seu depoimento para campanha de Haddad na última segunda-feira pela manhã. A aparição do ex-presidente na propaganda havia sido acertada em um almoço com Haddad, na semana passada, no Instituto Lula.

Os ratos abandonam o navio. Os ratos mais espertos, do PMDB, já tinham pulado fora. Agora até os petistas viram as costas aos dois ex-presidentes pelo PT. Lula e Dilma vivem seu crepúsculo, suas cenas finais e mais deprimentes de sua tosca biografia política. Começaram como golpistas, chegaram ao poder e ao auge de popularidade com o populismo alimentado pelo crescimento econômico (mérito da China), e terminam como párias para seus próprios companheiros.

É merecido. É pouco até. O Brasil decente quer vê-los atrás das grades. Mas não dá para negar que já é um começo vê-los rejeitados dessa forma, abandonados por seus cúmplices, isolados e desacreditados. Se houve uma época em que Lula tinha uma espécie de “toque de Midas”, elegendo até “postes”, a realidade é que hoje lhe restou apenas o “toque de Mierdas”: tudo aquilo que ele toca apodrece.

PS: Dizem que a Laerte está tentando convencer o Frouxo a aceitar Dilma no palanque também, que é para equilibrar o jogo na extrema-esquerda. Não é justo só a comunista aparecer abraçada a ex-presidente enquanto o socialista sorri apenas com artistas engajados…

Rodrigo Constantino

Sobre / 

Rodrigo Constantino
Rodrigo Constantino

Economista pela PUC com MBA de Finanças pelo IBMEC, trabalhou por vários anos no mercado financeiro. É autor de vários livros, entre eles o best-seller “Esquerda Caviar” e a coletânea “Contra a maré vermelha”. Contribuiu para veículos como Veja.com, jornal O Globo e Gazeta do Povo. Preside o Conselho Deliberativo do Instituto Liberal.

Saiba Mais

<
<

Arquivos

informe seu email e receba nosso conteúdo gratuito